• Av. Tiradentes, 998 7º andar, Luz - SP
  • (11) 3929-5779

Reunião ordinária do Sindicato conta com a presença do diretor-presidente do Detran-SP

Tema central do encontro foi as propostas apresentadas pelo Sindicato para aprimoramento da Portaria Detran-SP 101/16.

 

     

 

Por Sindautoescola.SP
Criado em 22/11/2018 - Última modificação em 23/11/2018
Acessos: 901

Tema central do encontro foi as propostas apresentadas pelo Sindicato para aprimoramento da Portaria Detran-SP 101/16

 

A diretoria do Sindicato realizou nesta quinta-feira (22) reunião ordinária na sede da entidade com a presença do diretor-presidente do Detran-SP, Dr. Maxwell Borges de Moura Vieira, juntamente do diretor de habilitação, Dr. Raul Vicentini, o gerente de credenciamento, Dr. Rafael Alcantara Nardo, a diretora da Escola Pública de Trânsito (EPT), Rosana Nespóli e o Superintendente Regional de Ribeirão Preto, Luiz Fernando.

No encontro, o presidente do Sindicato, Magnelson Carlos de Souza, apresentou aos representantes do Detran-SP ofícios que foram protocolados ao longo deste ano solicitando, entre diversos assuntos ligados à categoria, alterações na Portaria Detran-SP nº 101/16, legislação estadual responsável pelo credenciamento e funcionamento das Autoescolas/CFC’s no estado de São Paulo.

“O Sindicato se sentiu prestigiado com a presença da diretoria do Detran e em nossa avaliação a atual administração do departamento deixa um legado de seriedade, competência e sensibilidade no desempenho do serviço público. Não temos a clareza quanto ao futuro do Detran, porém devemos reconhecer e parabenizar aqueles que trabalharam por um futuro melhor para o trânsito brasileiro”, diz Magnelson Carlos de Souza, presidente do Sindicato.

O presidente do Sindicato manifestou a preocupação da entidade com as ações de empresas intituladas “CNH Popular” e “Programa de habilitação popular” e solicitou ações enérgicas do Detran-SP nas Autoescolas/CFC’s que estão adotando essa forma de captação de matrículas. “Essa prática representa uma forma de ‘estelionato’ ao cidadão que é induzido a erro ao achar que se trata de um programa de governo”, afirma o presidente do Sindicato. O diretor-presidente do Detran-SP informou que irá tomar todas as medidas possíveis e necessárias para coibir essas práticas.

Além dos diretores do Sindicato, a reunião também recebeu a presença de representantes das empresas de cursos de capacitação e especializados, com o objetivo de propor ao Detran-SP, especialmente a Escola Pública de Trânsito (EPT), um canal aprimorado de comunicação e modernização dos serviços prestados por essas empresas. Outro tema da pauta de reunião foi as parcerias do Sindicato e Detran-SP com Honda e Sebrae.

Ao final da reunião, o diretor-presidente do Detran-SP fez uma avaliação da sua administração à frente do departamento e traçou as perspectivas para o futuro.

Tema central do encontro foi as propostas apresentadas pelo Sindicato para aprimoramento da Portaria Detran-SP 101/16

 

 



COMENTÁRIOS

Entre com seu usuário e senha para enviar seus comentários.

Estamos no WhatsApp!

Cadastre seu número para receber diariamente nossas notícias